Paguroídea


0

Eremita e andarilho, minha vida sempre foi contraditória. Vago por este mundo em busca da resposta pra esta minha vida. Por que eu fui condenado a vagar? Quem ordenou isso?  Ninguém me conhece ou me vê. Eu não deixo. Prefiro os locais mais isolados. Como quando dá, quando posso. Nada mais faz sentido.

Muitos por onde andei indicavam algumas respostas, mas sempre havia mais perguntas a se fazer.

Descobri que sou imortal. Isso mesmo, eu vou viver para sempre. Condenado a ser o único ser vivo a participar de tudo na história.

Caminhando, senti tudo do mundo aos meus pés. Conheci lindos templos que viraram ruínas e hoje as pessoas gastam moedas para poder ver. Eu vi vários desastres e genocídios. Descoberta de doenças, criações de doenças. O mundo é um lugar podre. E eu, condenado a ver tudo.

Certa vez me falaram de uma árvore muito sábia, que tinha uns 10 mil anos de idade. Fui procura-la para tentar saber do motivo de minha existência vagando neste mundo.

Caminhei por muitos lugares até encontra-la.  Andei por cidades, montanhas, cachoeiras e até desertos para então, no topo, atrás de uma pedra bilenar, encontrei aquela árvore. Surpreendentemente, ela me conhecia e estava a minha espera.

– Você caminhou muito para me encontrar. E estava lhe esperando para poder lhe contar o que você quiser. Mas você, meu caro Paguroídea , está entre os mais sábios, então você terá direito apenas uma pergunta.

– Apenas uma?

– Somente uma. Mas lembre-se, toda pergunta tem sua consequência. Todo bater de asas de borboleta pode gerar um furacão. O caos não é uma teoria, é a nossa direção.

– Qual é a melhor pergunta que eu poderia ter feito?

– E esta sua pergunta?

– Sim.

– Magunga, você é um homem sábio. Muitos que chegaram a mim vieram querendo entender algo além de nossa compreensão. Deus, vida, o universo, o funcionamento da natureza. E como não estavam preparados para tamanho conhecimento não aguentaram com a verdade. Uns enlouqueceram. Outros se mataram. Mas ninguém pôde suportar tamanha informação. Paguroídea, a melhor pergunta que você poderia ter feito é, quem sou eu de verdade?

– É isso que tento responder nestes séculos todos que eu ando vivendo.

– Então não deixe de procurar a resposta. Não é como a linha do horizonte utópica. Você encontrará.

E desde então eu voltei a andar por este mundo a procura da resposta. Quem sou eu de verdade?

Pedro Cindio – Colunista



Gosto disso? Compartilhe com os seus amigos!

0

Qual é a sua reação?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win

Um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share this
Choose A Format
Trivia quiz
Series of questions with right and wrong answers that intends to check knowledge
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals
Meme
Upload your own images to make custom memes
Video
Youtube, Vimeo or Vine Embeds
Audio
Soundcloud or Mixcloud Embeds
Image
Photo or GIF
Gif
GIF format